quinta-feira, 1 de setembro de 2011

não sei...

não sei onde morrerá a loucura
nem sei quantas vezes contarei os passos
que distam do teu andar
sem nunca
jamais
te alcançar.

(Teresa Cuco)

1 comentário:

Manuela Lopes disse...

Amei... :)